5 formas de identificar o seu potencial cliente

O seu potencial cliente é aquele que possui um perfil de compra compatível com a sua empresa, ou seja, com seu produto ou serviço. 

Tendo contato e acesso direto a essas pessoas, aumenta muito as chances de gerar novas oportunidades. Entretanto, para encontrar essas pessoas, é necessário utilizar algumas estratégias. 

Descobrir quem são seus melhores clientes é o desejo de qualquer companhia. Afinal, vender para a pessoa certa é sinônimo de sucesso nos negócios.

Quando você identifica seu potencial cliente e cria estratégias assertivas para lidar com ele, a escalabilidade dos resultados ocorrerá naturalmente. Porém, encontrar esses clientes não é uma tarefa muito fácil. 

Por isso, para te ajudar nessa caminhada, selecionamos 5 formas de identificar o seu potencial cliente. Boa leitura!

Qual a importância de encontrar o seu potencial cliente?

Primeiramente, a grande vantagem é descobrir quem é seu potencial cliente e onde ele está. Entretanto, outro benefício importante é o fato de você ter a chance de melhorar a relação que você tem com ele, principalmente depois da venda realizada.

Ao se conectar com seu cliente ideal e tornar a experiência dele com a sua empresa satisfatória, consequentemente você estará criando embaixadores da sua marca. 

Tais clientes sempre farão comentários positivos sobre você para outros clientes em potencial.  Isto é, farão a indicação de novos compradores.

Neste caso, algumas métricas de vendas importantes sofreram uma alteração positiva. Sua jornada de vendas e o Custo de Aquisição de Clientes (CAC). Com essas análises, é possível estudá-los melhor e saber sobre suas necessidades.

Dessa forma, torna-se mais confiável oferecer soluções que sanem as dores do seu potencial cliente. 

Quer saber como identificar o seu potencial cliente? Veja 5 formas:

1 – Descubra seu nicho de atuação

Para começar, o fundamental é segmentar o mercado e descobrir qual é o seu nicho de atuação. Pois, quem quer falar com todo mundo, não fala com ninguém.  

Nesta etapa, é preciso ter clareza de quem é seu nicho de atuação, saber de fato com quem a empresa deseja se conectar.

Ao fazer a segmentação do mercado em questão, foque seus esforços para estudar seu público e identificar seu potencial cliente. Posteriormente, consegue saber mais sobre suas necessidades e fazer mudanças, caso seja válido, no seu produto ou serviço.

De fato, é a maneira mais correta de se tornar um expert no mercado em que atua. Principalmente, se consegue desenvolver um pipeline de vendas que seja focado no cliente.

Se tornando referência no segmento, torna-se mais fácil atrair o clientes em potencial e vender para ele.  

2 – Estude a concorrência

Geralmente é bem difícil você atuar sozinho em um segmento. Portanto, é imprescindível que você esteja sempre atento à concorrência e seus clientes. 

Para identificar seu potencial cliente, essa é uma estratégia bem importante. 

Como análise inicial, você pode observar as empresas que façam uso de produto ou serviço parecido com o seu acaba servindo de parâmetro.

Imediatamente, você observa que ela também tem suas necessidades. Caso seja recorrente, essa empresa poderá ser seu potencial cliente.

Sabendo mais sobre o que o seu concorrente oferece, é possível verificar qual o nível de competitividade do seu negócio. E assim, descobrirá se os clientes analisados estão satisfeitos.

A dica é procurar estar onde esses clientes estão e iniciar um contato. Eventos relacionados ao setor de atuação são ótimas oportunidades para começar a fazer essa interação. São nesses lugares que muitas pessoas estão em busca de soluções inovadoras e conhecimento.

3 – Crie uma rede de conexão e descubra as necessidades do seu cliente em potencial

Já falamos sobre a importância de interagir com seu público, certo? Essa terceira dica fala bem sobre isso.

Não é de hoje que a internet e as redes sociais são importantes para qualquer negócio. Além de estar presente ativamente, é preciso se conectar e criar uma boa interação com o seu potencial cliente. 

Para saber o que seu cliente busca, quais as dores dele e o que espera de uma solução, é preciso falar com ele. É importante que você saiba diretamente dela quais são suas necessidades. 

Crie conexões e post regularmente com conteúdos relevantes. Similarmente, elabore pesquisas e faça uma análise das respostas. Com certeza grandes insights irão surgir dali. 

Com o intuito de evitar ser visto como alguém que só quer vender a todo custo, evite abordagens com foco extremamente comercial. Nesse momento é necessário ser um consultor, ou seja, procure entender o seu público e o que ele deseja de fato.

Ao saber o que seu mercado deseja, você consegue verificar se a sua solução atende essas necessidades e fazer os ajustes pertinentes.

4 – Utilize materiais ricos e bom conteúdo

O Inbound Marketing é uma estratégia ótima para atrair o seu potencial cliente.  Além de ser bastante assertiva, ela também custa menos do que outras estratégias de marketing.

Tenha um bom site e um blog para que sejam criados conteúdos interessantes para a sua audiência. Desse modo, com otimização para SEO, você irá atingir mais pessoas e atraí-las para seu site ou e-commerce. 

Ao fazer essa atração, a segunda etapa é tornar essa pessoa um lead. Por isso, explore os conteúdos ricos e entregue através de uma landing page. 

Ao conhecer bem seu potencial cliente, você consegue entregar materiais que façam sentido para ele. Isto é, ao ponto dele deixar um meio de contato para receber esse material. 

Ao disponibilizar o e-mail ou telefone, por exemplo, ele permite que você comece a criar um relacionamento e aos poucos fortalecer essa conexão. 

5 – Eduque seu potencial cliente 

Ao conseguir tornar essa pessoa interessada em lead, você passa para a próxima fase que é nutri-lo. Ao inserir esse lead no fluxo de nutrição, você enviará informações que façam com ele se interesse cada vez mais pelas suas soluções. 

Conforme ele for se interessando pelos seus conteúdos, ele vai avançando no funil de vendas.

Acompanhe a interação dele e avalie o comportamento dele em relação aos seus contatos. Se ele está demonstrando interesse toda vez que um email seu é enviado, pode ser que ele já esteja interessado em fechar negócio. 

Nesse caso, o próximo passo é passar esse lead para o time de SDR. O lead passa a ser responsabilidade da área de vendas e não mais do marketing.

O sales development representative (SDR) fará o papel de entender de fato as dores e necessidades deste potencial cliente. Contudo, é nesse momento que ele fala mais sobre a solução a ser oferecida e como pode atender às expectativas dele.

Agora que você já tem noção de como identificar o seu potencial cliente, que tal colocar a mão na massa? 

Para continuar acompanhando nossos posts, basta acessar nosso Blog Nerus e ter acesso a artigos exclusivos!

Nós da Nerus Sales também podemos te ajudar a montar o seu time de prospecção e vendas. Clique aqui e fale com um de nossos especialistas.

About Nerus Sales